Publicado por José Geraldo Magalhães em Destaques Nacionais, no Cenáculo | 22/05/2014 às 10:49:58


Devocionário comemora 75 anos de história no Brasil


Programações contaram com a presença da editora mundial Sarah Wilke
 
  Editor Nacional do no Cenáculo, bispo Adriel Maia, discursa após receber a placa de homenagens na Câmara Municipal de São Paulo
 
Pr. José Geraldo Magalhães
 
Importantes programações no mês de maio marcaram os 75 anos do no Cenáculo no Brasil. As homenagens percorreram por Belo Horizonte/MG, São Paulo/SP, Juiz de Fora/MG e Jaboatão dos Guararapes/PE. Um selo comemorativo lançado pelos Correios na Sede Nacional da Igreja Metodista já está em circulação.
 
O presidente do Colégio Episcopal, bispo Adonias Pereira do Lago, participou das programações. “Celebrar 75 anos de um livro traduzido em tantas línguas é um privilégio para a Igreja Metodista que faz parte desta história desde 1938”, disse o bispo na Câmara Municipal de São Paulo, após a sessão especial em homenagem ao Jubileu de Brilhante do devocionário.
 
O editor nacional do no Cenáculo também ressaltou a importância da publicação. “Tenho dito que é o livro do coração. Ele conta a variação da vida de tantas pessoas com culturas e contextos mais diversos possíveis. São nessas variações que Deus chega com Seu bálsamo até nós”, disse o bispo emérito e editor nacional do devocionário Adriel de Souza Maia.
 
O The Upper Rommque originou o no Cenáculo no Brasil é um movimento global de oração e edificação cristã da Igreja Metodista nos Estados Unidos. Atualmente o devocionário distribui cerca de três milhões de exemplares ao redor do mundo. “O ministério começou em 1935 e rapidamente se espalhou pelo México, Américas, Ásia e África”, disse a editora mundial, Sarah Wilke, que veio de Nashville, USA, para prestigiar as homenagens e seminários no Brasil.
 
Foi exatamente no 3º Concílio Geral da Igreja Metodista realizado em Juiz de Fora, em 1938, sob a presidência do primeiro bispo brasilerio, César Dacorso Filho, que a Igreja aprovou a publicação do The Upper Romm em português. Um marco que foi relembrado no Instituto Metodista Granbery. “Uma história que tenho chamado de testemunhos de várias pessoas que relatam a presença de Deus em vários momentos”, disse o presidente da Quarta Região Eclesiástica, bispo Roberto Alves de Souza.
 
Cobertura completa na próxima edição do Expositor Cristão

Tags: no-cenaculo,