Publicado por José Geraldo Magalhães em no Cenáculo | 03/06/2014 às 10:54:37


No Cenáculo completa 75 anos de trajetória no Brasil


fonte: José Geraldo Magalhães / 
Importantes programações no mês de maio marcaram os 75 anos do no Cenáculo no Brasil. Eventos e homenagens foram realizados em Belo Horizonte/MG, São Paulo/SP, Juiz de Fora/MG e Jaboatão dos Guararapes/PE. Um selo comemorativo lançado pelos Correios na Sede Nacional da Igreja Metodista já está em circulação.
 
O presidente do Colégio Episcopal, bispo Adonias Pereira do Lago, participou das programações. “Celebrar 75 anos de um livro traduzido em tantas línguas é um privilégio para a Igreja Metodista que faz parte dessa história desde 1938”, disse o bispo na Câmara Municipal de São Paulo, após a sessão especial em homenagem ao Jubileu de Brilhante do devocionário.
 
O editor nacional do no Cenáculo também ressaltou a importância da publicação. “Tenho dito que é o livro do coração. Ele conta a variação da vida de tantas pessoas com culturas e contextos mais diversos possíveis. São nessas variações que Deus chega com Seu bálsamo até nós”, disse o bispo emérito e editor nacional do devocionário Adriel de Souza Maia. 
 
O The Upper Romm que originou o no Cenáculo no Brasil é um movimento global de oração e edificação cristã da Igreja Metodista nos Estados Unidos. Atualmente, o devocionário distribui cerca de três milhões de exemplares ao redor do mundo. “O ministério começou em 1935 e rapidamente se espalhou pelo México, Américas, Ásia e África”, disse a editora mundial, Sarah Wilke, que veio de Nashville, USA, para prestigiar as homenagens e seminários no Brasil. 
 
Foi exatamente no 3º Concílio Geral da Igreja Metodista realizado em Juiz de Fora, em 1938, sob a presidência do primeiro bispo brasilerio, César Dacorso Filho, que a Igreja aprovou a publicação do The Upper Romm em português. Um marco que foi relembrado no Instituto Metodista Granbery. “Uma história que tenho chamado de testemunhos de várias pessoas que relatam a presença de Deus em vários momentos”, disse o presidente da 4ª Região Eclesiástica, bispo Roberto Alves de Souza.
 
Programações - Vários seminários foram realizados pelo Brasil a fora em maio. Na Igreja Metodista em Santa Tereza, região Central de Belo horizonte/MG, cerca de 200 pessoas compareceram para prestiagiar o evento. No Distrito Eclesiástico de Juiz de Fora, não foi diferente. Além da celebração no Instituto Metodista Granbery, as Igrejas Metodistas Central e no bairro São Mateus acolheram a equipe do no Cenáculo para o seminário: “no Cenáculo como instrumento de edificação, evangelização e discipulado”. 
 
A Igreja Metodista em Jaboatão dos Guararapes/PE fechou as programações e homenagens no dia 25 de maio com uma celebração de ação de graças pelos 75 anos do devocionário mais lido no mundo. 
LEIA A EDIÇÃO DO EXPOSITOR CRISTÃO DE JUNHO NA ÍNTEGRA!

Tags: no Cenáculo, Expositor Cristão