Publicado por Sara de Paula em Geral | 19/07/2016 às 10:15:51


Dia da caridade: Carta pastoral do biênio aborda o tema



Hoje, 19 de julho, comemora-se o Dia Nacional da Caridade. A Carta Pastoral emitida pelo Colégio Episcopal para os anos de 2016 e 2017, fala especialmente sobre as 6 ênfases missionárias da Igreja Metodista no Brasil. O segundo capítulo da carta fala sobre gerar frutos de uma vida santificada, e destaca o trecho abaixo: 

 

Obras de misericórdia – manifestando o amor ao próximo Wesley insistentemente relacionou santidade com serviço benevolente em favor dos sofredores e menos favorecidos. Para Wesley, uma vida santificada é uma vida através da qual o amor de Deus é derramado sobre o mundo. E o perfeito amor manifesta-se na vida do crente através de seu serviço de compaixão para com o próximo necessitado.

 

O texto ainda aborta em sua sexta ênfase missionária, a necessidade de promover maior comprometimento e resposta da Igreja ao Clamor do Desafio Urbano. Você pode fazer download da carta na íntegra, ler online ou adquirir o material impresso pelo site da Angular Editora, por apenas R$ 3,00. Acesse. 

 

Ainda destacamos hoje o texto da carta de 1 Coríntios, capítulo 13, do verso 1 à 8, para reforçar o nosso compromisso com a caridade e com a identidade metodista.

 

"Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver caridade, sou como o bronze que soa, ou como o címbalo que retine. Mesmo que eu tivesse o dom da profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência; mesmo que tivesse toda a fé, a ponto de transportar montanhas, se não tiver caridade, não sou nada.
 

Ainda que distribuísse todos os meus bens em sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, se não tiver caridade, de nada valeria!
 

A caridade é paciente, a caridade é bondosa. Não tem inveja. A caridade não é orgulhosa. Não é arrogante. Nem escandalosa. Não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não guarda rancor. Não se alegra com a injustiça, mas se rejubila com a verdade. Tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
 

A caridade jamais acabará. As profecias desaparecerão, o dom das línguas cessará, o dom da ciência findará."

 

Leia a Carta Pastora do Biênio online abaixo.


Tags: carta pastoral, colégio episcopal