Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 08/04/2011

Bispos da Igreja Metodista se pronunciam quanto ao caso de Realengo

Por Diana Gilli

“Lamentamos que as nossas crianças sejam vítimas da violência e das injustiças dos dias de hoje. Na verdade são milhares de crianças que morrem nessas circunstâncias. Como igreja temos que estar mais despertos para a dignidade de nossas crianças. É tempo de orarmos pelas famílias dessas crianças”. (Bispo Luiz Vergilio – 2ª Região Eclesiástica)

"Conversando sobre esse caso hoje, disse que é hora de entendermos o significado da palavra compaixão e se colocar no lugar das pessoas, me colocar no lugar dos pais. Fiquei chocado mesmo. Custei a acreditar que era no Brasil. Até cair a ficha... O que eu sentiria se perdesse minha filha?" ( Bispo Paulo Roberto – 4ª Região Eclesiástica)

Adolescente orou a Deus

Na manhã de ontem, 8/04, um jovem de 23 anos invadiu a escola municipal Tasso da Silveira, localizada em Realengo, no Rio e atirou em diversos estudantes. Ao todo, morreram dez meninas e dois meninos. Em meio ao caos, uma história comoveu a todos.
Um adolescente de 13 anos, que estava em uma das salas onde o atirador atirou e matou muitos de seus amigos, orou em pé durante todo aquele momento. “Não sabia o que fazer nem como estava vivo. Foi Deus que me ajudou”.


Posts relacionados

Geral, Escola Dominical, por Sara de Paula

Liturgia para o Dia das Crianças 2021

Esta liturgia foi preparada para ser dirigida pelas crianças de sua comunidade. Por isso, sugerimos que organize as leituras e cânticos com as crianças de forma que todas elas participem de cada momento do culto. 

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães