Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 13/09/2013

CMUSN Encontro Nacional de Capacitação

ENCONTRO NACIONAL DE CAPACITAÇÃO PARA
MULHERES DA IGREJA METODISTA

Com o Tema “Mulheres anunciam boas notícias” aconteceu mais um Encontro nas dependências da Fateo, numa parceria entre o Centro Otília Chaves e a Faculdade de Teologia com o apoio da Confederação das Sociedades de Mulheres Metodistas.
As palavras que encontro para definir este evento são as seguintes: Maravilhoso, Espetacular, Inspirador! Do princípio ao fim, realmente uma bênção.
A começar pelo Culto de Abertura, dirigido pela Sexta-Região, com a palavra inspiradora da Pastora Eloah sobre o Comunicar as Boas Notícias. E de uma forma muito criativa, levando em conta a forma mais atual de comunicação que é o computador, a sexta-região distribuiu para todas as participantes uma plaquinha como lembrança do Encontro, contendo uma miniaturazinha de um net book. (vide foto).
Foram apresentados quatro painéis:
• Painel I – Mulheres e comunicação com a profª Magali Cunha
• Painel II – Mulheres anunciando o Evangelho com a Revda. Suely Xavier dos Santos
• Painel III – Mulheres na história da Igreja e possibilidades contemporâneas com a Revda. Margarida Ribeiro e o prof. Fábio Josgrilberg
• Painel IV – Anunciando boas notícias! Com o Revdo Paulo Dias Nogueira pastor da Catedral de Piracicaba.
- E aprendemos com a profª Magali, que comunicação é o processo social de “tornar comum” idéias, sentimentos, experiências e informações por meio de palavras faladas e escritas, dos gestos ou das imagens de forma direta ou mediada. E que o ser humano é comunicação porque Deus o criou com tal dom.
- A Revda. Suely mostrou que o “Anúncio” no Antigo Testamento, ocorreu muitas vezes da parte das mulheres como Sifrá e Puá que anunciaram através de seus atos o evangelho de Deus e que outras mulheres que fizeram a diferença por causa de seus atos, foram as filhas de Zelofeade. “O Senhor deu a palavra e muitas mulheres levaram esta notícia” Sl 68:11. Falou ainda sobre o Novo Testamento, que o Evangelho é notícia, uma boa notícia que traz alegria, e que as mulheres são pioneiras no anúncio da ressurreição de Cristo, e que mulheres continuam anunciando o Evangelho da ressurreição através dos séculos na Igreja e na sociedade.
- A Revda. Margarida contou que em 25 de maio de 1929 foi anunciado na Rádio Clube do Brasil que a noite seria transmitido pela Igreja Evangélica Luterana o primeiro culto radiofônico no Brasil e que pouco tempo depois, mulheres metodistas fizeram-se representar no programa a “Hora Cristã” da Rádio Educadora com um programa infantil de alunos da Escola Diária e foram elas: profª Jurema D’Avila, Eunice de Oliveira e Alba Pereira, do Instituto Central do Povo no Rio de Janeiro.
- O prof. Fábio lembrou muito bem que: nós mulheres metodistas de agora, também entramos para a história ao protagonizarmos como mulheres, o Primeiro Encontro a Distância.
- O Revdo Paulo Nogueira se inspirou no texto de Eclesiastes 9:10 que diz assim: “Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças... não precisamos ir além e nem devemos ficar aquém. É preciso equilíbrio. Falou também sobre a boa notícia, o conhecimento das coisas de Deus e da preocupação que precisamos ter quando, ao tentarmos suprir as necessidades das pessoas, não darmos notícias que não são verdadeiras que vão de encontro à palavra de Deus, ou seja, o perigo de darmos a má notícia ao invés da boa notícia.
As oficinas também muito proveitosas. Participamos da oficina “Comunicação e a arte com a profª Maria José, e também da oficina “Mulheres e a mídia metodista” com Suzel Tunes e Pastora Amélia.
Suzel falou sobre a notícia e como isso afeta a Igreja e a Sociedade, sobre propaganda e testemunho e sobre a comunicação transformadora.
Pastora Amélia falou da Voz Missionária que foi criada em 1930, num tempo em que a mulher não tinha voz e nem espaço na Igreja e do seu sonho maior o de “Que toda Mulher Metodista seja uma assinante da Revista.
A Noite Cultural foi fabulosa tendo a profª Rose Maria, Educadora no Núcleo de Formação Cidadã/UMESP, abordado o tema “Mulher e comunicação: uma questão de atitude! Realmente espetacular.
As/os seminaristas tiveram uma participação muito especial com devocional, dinâmica de integração, e também com o cuidado muito carinhoso com todas as participantes na preparação dos cafés matinais e etc.
Recebemos a visita da Revda Joana D’Arc Meireles, Secretária para a vida e missão da Igreja Metodista que fez uma saudação. Também nos visitou a Revda Renilda Martins, Coordenadora Nacional da Educação Cristã que presenteou a Presidente da Confederação, irmã Sonia Palmeira com os Livros “TODO SER QUE RESPIRA...”de Luiz Carlos Ramos, e também “CRISTIANISMO PRÁTICO” a Educação na Bíblia, do Bispo Josué Adam Lazier.
O encerramento esteve a cargo da quinta Região, num culto muito bem preparado e com a participação especial de louvor da Igreja de  Vila Joaquim Inácio em Campinas, tendo como pregadora a presidente da Quinta Região Kátia Torres.
Enfim... Bênçãos e mais bênçãos chegaram até nós durante este Encontro.

Leila de Jesus Barbosa
Vice-presidenta da Confederação do Brasil
Secretária de Literatura e Correspondência da CMMALC

• clique para ver o álbum de fotos

Veja mais notícias e faça o download do material do encontro


Posts relacionados

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães