Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 13/09/2013

Conferência na Tailândia

Conferência Ecumênica Global sobre Justiça para os Dalits

21 a 24 de março de 2009, Bangkok, Tailândia.

Entre os dias 21 a 24 e março de 2009, aconteceu na cidade de Bancoc, Tailândia, a Conferência Ecumênica Global sobre a liberação dos Dalits, coordenado pelo Conselho Mundial de Igrejas e a Federação Mundial Luterana.

Cerca de 100 participantes, majoritariamente oriundos da Índia, mas também, Nepal, Paquistão, Sri Lanka e Nigéria, bem como de outros países da África, América Latina, América do Norte, Ásia, Caribe, Europa, Oriente Médio e Pacífico, reuniram-se nessa conferência com o objetivo de conhecer, dialogar e estabelecer estratégias sobre como as igrejas e o movimento ecumênico podem combater a discriminação baseada em casta e em solidariedade lutar pela libertação dos Dalits.

A jovem Diana Fernandes dos Santos Faraon, presidente da Confederação Metodista de Jovens e membro das comissões Echos - Comissão da Juventude no Movimento Ecumênico e da Comissão de Educação e Formação Ecumênica do Conselho Mundial de Igrejas, foi recomendada pelo CLAI -Conselho Latino-Americano de Igrejas, a representar a América Latina, nesse importante evento que tinha como um dos principais motos a luta pela eliminação de toda a forma de preconceito racial.

Foram dias de intenso aprendizado onde os participantes foram constantemente desafiados a reconhecer a sua omissão e desconhecimento em relação à situação dos Dalits no mundo e atender ao chamado de agir em solidariedade para o combate desse sistema que tem causado verdadeiras atrocidades a esses povos.

Como latino-americanos, pudemos contribuir para as discussões levantadas durante a conferência, relembrando a luta dos negros e povos indígenas de nossos países, da luta pela terra, da igualdade de direitos entre homens e mulheres, dos constantes desafios de nossos jovens em tempos de violência e caos, e da busca pela dignidade e igualdade de oportunidades a todos os nossos cidadãos. Lutas essas que tem inspirado a muitos povos espalhados ao redor do mundo.

Como latino-americanos, cidadãos de países que tem vivido situações de exclusão, de discriminação e de desigualdades sociais somos convocados a unirmo-nos em solidariedade aos nossos irmãos Dalits espalhados pelo mundo e explicitar por meio de atos e de programas de ações afirmativas, que casteísmo e a discriminação baseada em casta é pecado e como tal e uma agressão à dignidade da pessoa humana.

Especialmente no Brasil, onde muitos brasileiros estão sendo orientados de forma romântica e lúdica sobre a questão Dalit por meio da mídia, cabe às nossas igrejas orientar a sua membresia e proporcionando aos mesmos orientações e informações necessárias de maneira que as igrejas possam conhecer de fato o sofrimento pelo qual os Dalits são assombrados e possam se unir em solidariedade no combate e eliminação da discriminação a esses povos.

Em anexo segue o Chamado e Declaração de Bancoc, documento redigido durante a conferência que tem como objetivo convocar igrejas e organismos internacionais a prestarem total atenção à situação dos Dalits na Índia e em todos os países da diáspora indiana tais como Nepal, Paquistão, Sri Lanka e Nigéria, promovendo uma espécie de "Observação Global" a esse tema. Através desse documento externalizamos às igrejas e organizações experiências vividas durante a conferência bem como convocações pontuais para o combate desse sistema de exclusão.

Acreditamos que somos capazes de alguma forma a nos unirmos a esse combate, usando a nossa criatividade e as possibilidades que cada igreja e organismo possuem, para definitivamente declarar fim a todo tipo de discriminação e promover a paz e a justiça como fruto do Reino de amor estabelecido pelo nosso Deus.

"Nosso Deus que está presente em toda parte, particularmente nas lutas do nosso povo,

Proclama o Seu nome pelas nossas ações de justiça e verdade,

Ajuda-nos a realizar seu reino em solidariedade uns com os outros,

Inspira-nos a fazer a sua vontade - a resistir, confrontar e transformar, como tu,

Dá-nos sua graça a cada dia para compartilhar nosso alimento, recursos e a nós mesmos uns com os outros, como Tu compartilhaste sua vida conosco.

Não nos conduzas a tentação da prática da casta sendo egocêntricos,

Livre-nos de todo o tipo de opressão e discriminação

Para que o teu reino, poder e gloria possam vir a nós quando todos viveremos no espírito de comunidade, governados pelos valores da dignidade, respeito mútuo e igualdade."

 

Por Diana Fernandes dos Santos Faraon

 

Veja também:

O Documento da Conferência Ecumênica na íntegra em inglês e português.


Posts relacionados

Geral, por Sara de Paula

3º Encontro Nacional de Música e Arte - arte com identidade

Nos dias 16 a 18 de outubro de 2020, teremos o nosso 3º Encontro Nacional do Departamento Nacional de Música e Arte (DNMA) com o tema “arte com identidade”. Presença confirmada de  Gabriel Guedes, Bispos/as da Igreja Metodista e muito mais!

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães