Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 20/09/2013

marcha para jesus Folha SP 8 de junho




Marcha para Jesus reúne 3 milhões em SP

Evento, organizado pela Renascer em Cristo, teve participação por telão dos líderes da igreja; casal cumpre prisão domiciliar nos EUA participa do evento por telão

Integrantes da Renascer coletaram assinaturas para documento em favor dos líderes da igreja; marcha teve duração de dez horas


LEANDRO BEGUOCI
DA REPORTAGEM LOCAL
Folha de S.Paulo, 8 de junho de 2007


Cerca de 3 milhões de pessoas passaram pela Marcha para Jesus, ontem, em São Paulo, segundo a Polícia Militar. O evento coordenado pela Igreja Renascer em Cristo, fundada pelo casal Estevam e Sonia Hernandes, durou dez horas.
Em visita recente ao Brasil, o papa Bento 16 reuniu 800 mil católicos na missa do Campo de Marte, cerimônia em que reuniu o maior número de fiéis.
Este foi o primeiro ano em que o apóstolo Estevam e a bispa Sonia (os cargos se referem aos postos ocupados na hierarquia da igreja, os mais altos) não estiveram presentes na marcha, que está em sua 15ª edição. Eles apareceram em telões da sua casa dos EUA, via satélite, vestidos com roupas da marcha. Segundo os organizadores, estavam ao vivo.
O casal cumpre prisão domiciliar nos EUA e será julgado na segunda-feira sob acusação de contrabando, conspiração e falso testemunho no tribunal federal de Miami.
Os dois rezaram com os fiéis, falaram que o evento reuniu 6 milhões de pessoas e conclamaram os presentes a cumprir uma meta. "O Brasil será o maior país evangélico do mundo, porque Deus determinou", disse Estevam. Não se referiram, em nenhum momento, ao processo nos EUA.
Em 2006, a marcha também reuniu 3 milhões de pessoas, mas aconteceu na av. Paulista. Neste ano, começou no metrô Tiradentes e foi até a praça Heróis da FEB, ambos na zona norte da capital paulista.

Abaixo-assinado
Membros da Renascer ofereciam um abaixo-assinado aos presentes em prol dos fundadores da igreja. O texto ratificado pelas assinaturas, em inglês e português, diz que a pessoa sabe do dinheiro não-declarado pelo casal aos entrar nos EUA e do processo. Também afirma: "Acreditamos em Sonia e Estevam Hernandes. Eles são nossos guias e líderes espirituais. Nós fomos confortados e encontramos a paz e o amor de Deus com a ajuda deles. Nós esperamos ansiosamente pela direção e ministrações deles pelos próximos anos".
O bispo e deputado estadual José Bruno (DEM-SP), que responde provisoriamente pela Renascer no Brasil, declarou que as assinaturas não serão usadas para pressionar autoridades brasileiras ou americanas. "É só demonstração de carinho aos nossos fundadores."
O Brasil é, hoje, o maior país evangélico pentecostal, com 24 milhões de adeptos de igrejas como a Universal do Reino de Deus e a própria Renascer em Cristo. Esta corrente acredita que Deus interfere na vida por meio de milagres.
No evento, os cantores dos 18 trios elétricos contaram como Deus os livrou das drogas, do álcool e, em alguns casos, da prostituição. Cantavam também músicas religiosas em ritmos como samba, rock e sertanejo. Eram de igrejas as mais variadas, não só da Renascer, como Brasil para Cristo e Assembléia de Deus. Um grupo usava camisetas em que se lia "saindo da caverna para abalar as estruturas do inferno". Depois da marcha, finalizada às 20h, houve 27 shows. Por volta de 14h, o público era de 350 mil pessoas em frente ao palco.
O termo evangélico é amplo e inclui também as igrejas protestantes históricas, surgidas durante a Reforma Protestante (século 16), como calvinistas, luteranos e metodistas. Essas denominações, hoje, são mais próximas aos católicos e não participaram da marcha.
O maior país evangélico do mundo, contando históricos e pentecostais, é os EUA. O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM-SP) e o vice-governador do Estado, Alberto Goldman (PSDB), também passaram pela marcha.


Posts relacionados

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães