Publicado por José Geraldo Magalhães em Mídia, Destaques Nacionais, no Cenáculo - 10/10/2013

No Cenáculo Palavra do Editor

Pequenas coisas

Estive visitando minha filha que reside na Suíça, e aproveitei a oportunidade para visitar o belo lago da cidade de Zurique. O lago é cercado por admiráveis jardins, e como era primavera, eles estavam belíssimos formando um majestoso quadro com diferentes espécies de flores, ou seja, um cenário encantador.

No entanto, caminhando um pouco mais percebi uma jovem, cuidadosamente concentrada num jardim com pequeníssimas flores, fotografando-as. Naquele momento, parei e pensei! Por que aquela jovem estava tão concentrada naquele jardim que, aparentemente, não tinha nenhuma beleza visual? O que ela estava descobrindo em sua pesquisa?

Depois de alguns minutos, refleti: vivemos sob a inspiração do paradigma do “super” (ideia de superioridade, excesso etc.) Assim sendo, ficamos impressionados com as grandes obras, os megas acontecimentos. Inclusive dentro da própria Igreja fala-se em “super crente”, ou ainda, uma excessiva preocupação e valorização daquilo que tem um apelo externo ou ainda a aparência primordial.

O ensino bíblico nos conduz para um desafio maravilhoso: valorizar as pequenas atitudes é surpreendente dentro do projeto do Reino de Deus. Eis alguns exemplos: a parábola da semente de mostarda (Lc 13.19); a oferta da viúva pobre (Mc 12.42), o exemplo de uma criança para entrar no Reino dos Céus (Lc 9.47). De igual maneira, a ensino de Jesus nas bem-aventuranças coloca em relevo a ousadia da humildade: “bem-aventurados os humildes de espírito porque deles é o reino dos céus (Mt 6.3).

Notemos que um jardim se destaca pelo conjunto das flores e formando uma maravilhosa configuração de todas as espécies. Portanto, cada flor é importante no conjunto. A vida da Igreja somente tem beleza, encanto e acolhimento quando todas as partes se encontram para formar o Corpo Vivo de Jesus Cristo agindo na comunidade como fermento da graça divina.

Nesse novo bimestre - setembro/outubro - aproveitando a motivação deste editorial, tenhamos uma atitude de valorização para com os pequenos gestos. Você é importante no jardim de Deus!

Com estima cristã,

Adriel de Souza Maia
Editor Nacional


Posts relacionados

Destaques Nacionais, por Sara de Paula

Igreja Metodista brasileira se solidariza com irmãos e irmãs da América Central, vítimas do furacão Eta

Nós, da Igreja Metodista no Brasil, nos solidarizamos com a população de vários locais na América Central, que têm sido atingida desde segunda-feira, dia 2 de novembro, pelo Furacão Eta. Entre os países atingidos estão Guatemala, Nicarágua, Honduras e região do Caribe, todos com presença metodista. Segundo Ministério Globais, agência missionária mundial da IM, já há relatos de famílias metodistas que foram evacuadas, incluindo famílias pastorais, especialmente na região de São Pedro de Sula, em Honduras. O ciclone atinge também Panamá e Costa Rica. Saiba como doar.

Destaques Nacionais, por José Geraldo Magalhães

Carta Pastoral do biênio 2016-2017 disponível para download!

Carta pastoral do Biênio 2016-2017 da Igreja Metodista disponível para download!