Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 20/09/2013

cartilha de prevenção à violência

O que fazer quando a violência e o abuso sexual chegam às portas da minha igreja?

 

 

Essa é uma pergunta que todo cristão deve fazer. Como lidar? De que forma? Sabemos que o silêncio deve ser rompido a partir da igreja, porque parte de nossa função como corpo de Cristo, é "denunciar a injustiça". Injustiça essa que, infelizmente, tem feito parte do cotidiano de muitas crianças.Segundo a Organização Mundial da Saúde, mais de 220 milhões de crianças com menos de 18 anos são, no mundo atual, vítimas de abuso sexual ou de violência física.

 

Pra auxiliar nesse serviço missionário de acolher a criança e ministrar o amor e a graça restauradora de Deus sobre a família, a Igreja Metodista na 5ª RE lançou uma cartilha de prevenção à violência. O objetivo da cartilha é incentivar para que as igrejas e instituições se transformem em espaço de reflexão e ação no desenvolvimento de programas que apóiam a luta contra a violência e o abuso sexual, uma das mais importantes e urgentes responsabilidades sociais que temos.

 

Todo o material está bem didático, dando explicações básicas sobre o que é a violência e o abuso sexual, quais as formas, como detectar e auxiliar a criança e sua família. Também está todo ilustrado pela turminha dos Aventureiros em Missão. A cartilha está sendo vendida na Sede Regional Metodista (5ªRE) a preço de custo, ou seja, 5 reais. Os interessados podem entrar em contato com a própria Sede pelo telefone (018) 3642 1198

 

 

 

 

 

 

      

 

 



Posts relacionados

Geral, por Sara de Paula

Em oração | 12.06.2020

Com o objetivo de mobilizar pessoas a orarem semnalmente e diariamente pelos propósitos selecionados pela área nacional da Igreja Metodista, te convidamos a participar da campanha EM ORAÇÃO. O versículo que conduz a campanha lembra a importância da oração para fazer qualquer coisa: ...porque sem mim nada podeis fazer. (João 15:5b).

20° Concílio Geral (20° CG), Geral, por Sara de Paula

Campanha: 40 dias de oração pelo Concílio Geral

O evento acontece em Teresópolos, RJ, entre os dias 3 e 10 de julho

Geral, por José Geraldo Magalhães