Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 20/09/2013

cinema evento no rn

Cinema e Teologia: filme aprimora reflexão teológica em igreja do RN




  Com o objetivo de discutir as provocações teológicas dos grandes filmes, visando à renovação e ao aprimoramento da reflexão, acontece dia 21/4, sábado, às 15h, no Rio Grande do Norte, uma exibição do filme "Abril Despedaçado" na Igreja Batista Viva, em Natal. A promoção conta também com a Fraternidade Teológica Latinoamericana (FTL) e o Serviço de Assistência Religiosa da Universidade Federal (UFRN), e pretende "ampliar o fórum de discussão teológica com a sociedade e promover a arte cinematográfica e a capacidade de apreciá-la".
  
   O líder do movimento, pastor Orivaldo P. Lopes Jr., professor da UFRN e presidente da FTL-Brasil, fala sobre o que motivou a igreja a desenvolver esse tipo de atividade. "Nossa preocupação como igreja foi sempre a de manter ostensivamente uma face pública. Entendemos que a igreja tem o que dizer e precisa ser ouvida, mas, para isso, ela também precisa escutar. Por isso, sempre realizamos os eventos em áreas não religiosas. Este próximo evento será excepcionalmente no local onde a igreja se reúne, mas isso só aconteceu porque, sendo feriado, tivemos problemas de conseguir um outro lugar".
  
   Sobre os resultados positivos que o projeto vem alcançando, ele diz: "A participação de pessoas não religiosas aos eventos é muito grande, embora nunca tenhamos recebido número muito elevado de participantes (40 a 60, no máximo). Nosso foco de divulgação é prioritariamente a Universidade".
  
   Orivaldo também comenta que a maior dificuldade na organização de um evento com este "é conseguir preletores", mas ressalta que a igreja tem conseguido "superar essa dificuldade e mantido um nível bastante elevado". Para o pastor, "é fácil conseguir teólogos, e é fácil conseguir acadêmicos... o difícil é conseguir teólogos-acadêmicos, isto é, pessoas que articulem transdisciplinarmente a teologia com outros modos de pensamento". Outra barreira ao bom andamento da organização é o agendamento de um local. "As livrarias, ou auditórios se recusam a emprestar seu espaço para eventos "religiosos", comenta o líder.
  
   Mas esta resistência não parece proceder em relação ao "Cinema e Teologia", uma vez que, segundo o pastor, "a aproximação da igreja com o cinema não se constitui em uma armadilha evangelística, mas numa busca sincera de diálogo com a cultura".
  
   Na opinião de Orivaldo, o cinema e a teologia "estão muito bem entrelaçados". Segundo ele, "praticamente todos os filmes propõem uma teologia, e quanto menos explícita essa proposta, melhor. Tem saído uma série de livros e artigos fazendo essa articulação. Isso é muito enriquecedor para a teologia... e para o cinema, desde que seja uma boa teologia e um bom filme. Por exemplo, no primeiro filme da série "O Vento será Tua Herança", no julgamento da teoria da evolução são proibidos os depoimentos dos cientistas. O advogado de defesa fica desesperado e pede para abandonar o caso. Tem então uma idéia: julgar o criacionismo nos termos da própria teologia. Isso abre a possibilidade de falarmos da necessidade de auto-crítica teológica para podermos estabelecer um diálogo com a ciência, e vice-versa".
  
   No filme de sábado, 21/4, "Abril Despedaçado", a discussão é sobre a doutrina da Justificação. "Um ótimo preâmbulo para nossa V Jornada Teológica do Nordeste, que vai acontecer no fim de semana seguinte, 28 e 29 de abril, em Paripueira, AL, para refletir sobre o tema "Jesus Cristo e a Salvação".
  
   O evento "Cinema e Teologia" tem entrada franca. A atividade começou em 2007, na sequência de outro tipo de encontro - os Cafés Teológicos - que foram realizados por quatro anos.
  
   A Igreja Batista Viva fica no Residencial Miraflores, no bairro Lagoa Nova, em Natal.

FONTE: AGÊNCIA SOMA


Posts relacionados

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães