Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 13/09/2013

Izabela Hendrix

Instituição incorporada à Metodista de Minas tem 350 estudantes de 190 diferentes igrejas evangélicas

 

O Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix  está incorporando a FATE, Faculdade Teológica Evangélica de Belo Horizonte, Minas Gerais. No Izabela Hendrix já funciona, no Campus Cachoeirinha, um pólo de Educação à Distância da Universidade Metodista de São Paulo, com oferta do curso de Teologia, já na segunda turma. Agora, com a incorporação da FATE, ganha também um curso presencial de Teologia reconhecido pelo MEC.

O Conselho Diretor aprovou a incorporação, com o aval do bispo Roberto Alves, responsável por acompanhar pastoralmente o Izabela, e submeteu a decisão ao Colégio Episcopal, por se tratar de curso de Teologia. No dia 12 de junho, o Colégio Episcopal decidiu-se favoravelmente pela incorporação e acolheu parecer do Conet, Coordenação Nacional de Educação Teológica, que pede adequações acadêmicas e teológicas ao novo curso.

   

O professor Jaider Batista da Silva, diretor geral do Instituto Metodista Izabela Hendrix, explica nessa entrevista como se dará a incorporação da nova instituição de ensino à Rede Metodista:

A Faculdade Teológica Evangélica que passa agora para o Izabela era vinculada a alguma denominação? Como fica a ligação com a instituição metodista?

A FATE foi criada, em 1999, a partir da Igreja Batista da Lagoinha. Na medida em que encaminhou processos de autorização e reconhecimento no MEC, ocorreu o desligamento amigável com a igreja de origem, mas manteve-se como principal referência de formação teológica para a crescente comunidade evangélica da região metropolitana. Após um período de tentativa de gestão autônoma, a equipe de direção deu-se conta das dificuldades econômicas que uma faculdade isolada carrega e o quanto isso poderia colocar em risco o projeto acadêmico bem avaliado. A equipe diretiva decidiu não aceitar propostas de venda da faculdade para grupos que a haviam sondado e buscou o Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix para propor incorporação. Na Metodista de Minas, entendem, o projeto acadêmico pode ser preservado e o cuidado com a qualidade do curso está assegurado.

 

Como é a FATE?  Que curso oferece, quantos alunos tem e qual o perfil religioso desses alunos?

A Faculdade Evangélica de Teologia tem o único curso de Teologia reconhecido pelo MEC em Belo Horizonte. Tem turmas diurnas e noturnas. Soma 350 estudantes de 190 diferentes igrejas evangélicas. O corpo docente da FATE é composto na totalidade por professores (as) com mestrado e doutorado.

 

Em vistas das crises financeiras enfrentadas pelas instituições de ensino superior metodistas, a Igreja tem condições em investir em mais uma instituição?  

A FATE, no âmbito do Centro Universitário, gera resultado econômico positivo e não depende de recursos da Igreja Metodista para a sua manutenção.

 

Qual o interesse da Igreja Metodista em ter mais uma instituição de teologia? As atuais instituições não suprem a necessidade de formação de teólogos?

A FATE, no Centro Universitário Metodista, deve continuar aberta e plural, referência de formação acadêmica para a maioria evangélica pentecostal e de comunidades autônomas. Não priorizará formação de pastores e pastoras para a Igreja Metodista, função já bem atendida pela Faculdade de Teologia de Rudge Ramos. Poderá desenvolver com a Faculdade de Teologia muitos pontos de cooperação, firmando ambiente de reflexão do pensamento wesleyano e oportunidades de intercâmbio de estudantes.

 

Então, a FATE irá, a partir de agora, ensinar teologia wesleyana?

O parecer do Conet indica a necessidade de se incluir disciplinas de Ecumenismo, Liturgia, Teologia Wesleyana e História do Movimento Metodista. Essas orientações já serão atendidas em 2009. O Conselho Diretor enviará lista tríplice para o Colégio Episcopal para escolha de coordenador (a) para o curso. O (a) coordenador (a) escolhido (a) comporá a Conet.

 

Haverá mudanças no corpo docente da FATE? O que muda para quem já está estudando lá?

A Faculdade já está em funcionamento do Campus Praça da Liberdade do Izabela, no convívio com 20 outros cursos de graduação. Uma biblioteca de 20 mil volumes foi incorporada à biblioteca do campus. O processo de transferência de mantença no MEC correrá ao longo deste ano. Exerce a coordenação interina, até escolha definitiva pelo Colégio Episcopal, o professor Edésio de Oliveira Rocha, pastor metodista e mestre em Teologia, professor do Centro Universitário. O corpo docente incluirá gradualmente metodistas que têm titulação de mestrado e doutorado em Teologia, que já exercem a docência no Centro Universitário, ampliando a composição diversificada do professorado.

 

Qual será o critério para ingresso no curso? Vestibular semelhante às demais instituições metodistas de ensino superior?

O vestibular já foi comum ao do Centro Universitário Izabela Hendrix.

 

Se o objetivo da Faculdade de Teologia não é a formação de pastores(as) metodistas, mas teólogos reconhecidos pelo MEC, há demanda no mercado para tantos profissionais?

Na demanda pública da Teologia, fora dos ambientes das igrejas, a CAPES recomenda a atuação de teólogos (as) nos comitês de ética em pesquisa (obrigatórios nas universidades) e até bancos admitem teólogos (as) para o diálogo com economistas. Nos movimentos sociais e em organizações não governamentais ocorre também a busca de profissionais da área.

 

Campus: Praça da Liberdade                       

Turno: Manhã / Noite                
Vagas: 80 / 80   
Duração: Manhã: 6 semestres / Noite: 7 semestres
Titulação: bacharelado
Mensalidade: Manhã: R$ 499,79 / Noite: R$ 419,79

 

Para mais informações, acesse o site www.metodistademinas.edu.br


Posts relacionados

Geral, por Sara de Paula

Eu NÃO atrapalho | Mensagem do Núcleo de Arte e Cultura da Universidade Metodista

Hoje, dia 21 de setembro, é celebrado o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, data oficializada em 2005 pela lei nº 11.133, mas que já era marcada e celebrada pelo movimentos sociais desde 1982, por iniciativa do Movimento pelos Direitos das Pessoas com Deficiência. 

Geral, por José Geraldo Magalhães

Igreja Metodista Central em Goiânia realiza Campanha de leitura da Bíblia no mês de maio

Líderanças de pequenos grupos e ministérios se revezam em turno de duas horas para ler a Palavra de Deus no altar.

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães