Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 20/09/2013

O Sinédrio e os fariseus

Nos tempos de Jesus, a autoridade máxima dos judeus era o Sinédrio, palavra derivada do grego Sinedrion, que significa "assembléia". Era um conselho com poder político e religioso composto por 70 pessoas, representantes de três setores da sociedade: os membros das famílias mais ricas, os saduceus (classe sacerdotal) e os fariseus (estudiosos da Torá). Embora não fosse majoritário no Sinédrio, o grupo dos fariseus tinha grande influência nas decisões, pois eles eram especialistas em lei judaica. Muitos tinham a profissão de escriba ("sofer"), a pessoa responsável pela elaboração dos manuscritos bíblicos.

 

Fariseu é uma palavra que vem do grego farisaioi , derivado do hebraico perushim, que pode ser traduzido como "os separados". O nome não quer dizer que eles se isolavam da sociedade, mas explica um estilo de vida: os fariseus eram pessoas que se dedicavam integralmente ao estudo, ensino religioso e à estrita observância das leis. Contudo, muitos deles acabaram incorrendo num legalismo desprovido de significado que, em diversas situações, foi duramente criticado por Jesus. Por conta destas críticas, para os cristãos a palavra fariseu acabou ganhando conotações negativas, associada a fanatismo e hipocrisia.


Posts relacionados

Geral, Liturgia, Escola Dominical, por Sara de Paula

Quaresma: viver com fé e sabedoria

O pleno exercício da nossa espiritualidade cristã nos convida a uma vida de intimidade com Deus. Neste sentido, o calendário litúrgico se constitui com fonte de memória e inspiração para o fortalecimento dessa espiritualidade e para reafirmação do nosso compromisso como discípulas e discípulos que anunciam a solidariedade e a esperança do evangelho de Cristo.

Geral, por Sara de Paula

Em oração | 03.09.2021

Com o objetivo de mobilizar pessoas a orarem semanalmente e diariamente pelos propósitos selecionados pela área nacional da Igreja Metodista, te convidamos a participar da campanha EM ORAÇÃO. O versículo que conduz a campanha lembra a importância da oração para fazer qualquer coisa: ...porque sem mim nada podeis fazer. (João 15:5b).

Geral, por Sara de Paula

Ato de Governo 1/2020

O Colégio Episcopal da Igreja Metodista no desempenho de suas funções pastorais e em conformidade com os Cânones da Igreja Metodista comunica: • Nos termos do Art. 133 dos Cânones 2017, o pedido de afastamento da Revma. Bispa Marisa de Freitas Ferreira, bispa-presidente da Região Missionária do Nordeste (REMNE), conforme correspondência encaminhada ao Colégio Episcopal, para tratar de assuntos pessoais. Leia o Ato de Governo na íntegra.

Geral, por José Geraldo Magalhães