Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 19/11/2010

Pastor de Nova Jersey pede aos líderes da Igreja cancelarem seus facebooks

 

Um pastor de Nova Jersey está exigindo que todos os oficiais casados da Igreja deletem suas contas de Facebook pelo motivo dos crescentes problemas matrimoniais em sua Igreja.

 

O Rev. Cedric Miller, da Igreja Living Word Christian Fellowship, disse à Associated Press que ele tem estado em aconselhamento estendido com muitos casais por causa de problemas causados pelo Facebook, ou seja, um esposo se conectando com uma antiga paixão.

“O que acontece é que uma pessoa de ontem (passado) aparece, isso leva à conversações e tem havido encontros fisicamente. A tentação é simplesmente muito grande”, disse.

Os líderes da Igreja tem até Sábado para cancelar permanentemente o Facebook ou renunciar de seus cargos. Miller também planeja deletar sua conta até o fim de semana.

Miller não é o único vendo que casais cristãos entram em problemas por causa do site popular de rede social.

O pastor do Texas Kerry Shook da Igreja Woodlands disse ao The Christian Post anteriormente neste ano, que ele tem visto pelo menos um casamento sendo destruído devido às conexões feitas com namorados e namoradas do passado no Facebook.

“Quando você começa a mexer com isso, você pensa não é grande coisa. ‘Eles ficaram meus amigos. Eu irei ver o que está acontecendo com eles.’ [Quando] você começa a ir nesse caminho, você conhece onde que ele termina,” afirmou o pastor da mega-igreja.

Na Igreja Living Word Christian Fellowship, Miller disse que o mal uso do Facebook tem provocado problemas para 20 casais.

Miller planeja advertir sua congregação este fim de semana sobre os perigos do Facebook. O mandato de deletar sua conta, contudo, não irá ser aplicado à congregação.

Ele disse à Asbury Park Press que apesar de alguns poderem ver sua ação com os funcionários da Igreja como ‘controlar,’ ele está mais preocupado em salvar as famílias e casamentos.

 A Igreja Living Word Christian Fellowship existe a mais de 20 anos e atrai uns 1.100 atendentes.


Posts relacionados

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães