Publicado por José Geraldo Magalhães em Mídia, Destaques Nacionais | 25/06/2014 às 09:41:03


Bispo metodista recebe cidadania honorária em Londrina


O Bispo da Igreja Metodista João Carlos Lopes, presidente da Sexta Região Eclesiástica que compreende os estados do Paraná e Santa Catarina, e presidente do Conselho de Igrejas Evangélicas Metodistas da América Latina e Caribe (CIEMAL), será homenageado pela Câmara de Vereadores com o título de Cidadão Honorário de Londrina, durante solenidade nesta quarta-feira (25/6), às 20h, no plenário do Legislativo. A iniciativa para a concessão da honraria partiu do presidente da Câmara, vereador Professor Rony Alves (PTB) e subscrita por mais 13 vereadores, foi sancionada pelo prefeito Alexandre Kireeff (PSD) por meio da Lei n° 12.053, de 30 de abril de 2014. 
 
A homenagem ao Bispo João Carlos Lopes é fundamentada no trabalho pastoral e filantrópico desenvolvido em Londrina, onde foi fundador do Espaço de Convivência da Igreja Metodista; responsável pela ampliação do Ministério de Obras de Misericórdia da Igreja Metodista Central com distribuição de cestas básicas à famílias carentes. O seu trabalho envolve ainda a criação e o apoio ao movimento "Pedalada Contra as Drogas", que todos os anos reúne centenas de jovens e adolescentes na luta contra a dependência química. João Carlos Lopes também foi fundador do "Programa Sopão", por meio do qual voluntários da Igreja Metodista distribuem semanalmente o alimento para moradores de rua da cidade nas imediações do Bosque Central. 
 
Obra social - As obras do Bispo João Carlos Lopes se espalham por toda a cidade. Na região Norte, o homenageado foi o responsável pela ampliação e manutenção das creches nos conjuntos Vivi Xavier e Maria Cecília, e na zona Sul pela creche do jardim União da Vitória. Ainda neste bairro, o bispo coordenou o trabalho de missionários da Igreja provenientes dos Estados Unidos, Canadá e Irlanda e foi o responsável pela ampliação e construção de mais de 150 casas, além de promover melhorias em de mais de 100 residências que estavam em condições precárias. 
 
Na área pastoral, João Carlos Lopes coordenou a expansão dos trabalhos da Igreja Metodista Central de Londrina em diversos bairros e cidades circunvizinhas, sendo um dos fundadores dos cursos de extensão teológica da Faculdade Metodista de Teologia de Maringá. Fundou e criou o programa "Meia Hora com Jesus", desenvolvido na sede da Igreja Metodista, para atender por meio de palestras, orações e orientação espiritual os trabalhadores da região Central de Londrina, sempre às quartas-feiras na hora do almoço, além de criar cursos gratuitos de inglês, música e aperfeiçoamento vocacional para membros das comunidades metodistas de Londrina, a fim de preparar jovens e adultos para o mercado de trabalho. 
 
Formação acadêmica - João Carlos Lopes nasceu em 26 de dezembro de 1956, na cidade de Leópolis (PR). Quando completou três anos, a família mudou-se para Cornélio Procópio onde cursou o ensino fundamental e médio. Concluiu Teologia em 1979 pela Faculdade de Teologia do Instituto Metodista e Seminário, hoje Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Em 1980 foi designado pastor para as igrejas metodistas das cidades de Arapongas, Apucarana e Jandaia do Sul, e em 1983 Pastor Coadjutor da Igreja Metodista Central de Londrina, da qual tornou-se Pastor Titular. 
 
Após cursar Mestrado em Missiologia e Doutorado em Antropologia Cultural nos Estados Unidos de 1986 a 1989, retornou a Londrina onde ocupou diversos cargos na Igreja, no Instituto e Seminário Bíblico de Londrina (ISBL) e Conselho de Pastores, até ser eleito Bispo da Igreja Metodista em 1997. Na sequência tornou-se presidente da Sexta Região Eclesiástica que reúne as igrejas Metodistas instaladas no Paraná e Santa Catarina. Hoje ocupa as funções de vice-presidente do Colégio Episcopal e presidente do Conselho de Bispos, além de dirigente do CIEMAL.
 

Tags: sem tags no momento!