Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 09/02/2012

Crianças da AMAS Jabaquara testam brinquedos antes dos produtos chegarem às lojas

Brincar virou trabalho. E trabalho sério. A Associação Metodista de Ação Social - AMAS, da Igreja Metodista em Jabaquara, SP, é um verdadeiro laboratório de qualidade para a ABRINQ - Associação Brasileira dos Fabricantes de Brinquedos. São 120 consultores mirins com idade entre 6 e 15 anos, que avaliam brinquedos antes deles chegarem às lojas. 

Maria José de Oliveira, presidente da AMAS para o próximo biênio, garante ser uma ótima oportunidade de aprendizado para as crianças. "Eles recebem vários brinquedos  de acordo com a faixa etária uma vez por ano.  Nós fazemos uma avaliação  com questionários e depois repassamos às crianças que também avaliam o brinquedo. Neste questionário colocamos nossas observações", afirma.

De acordo com Maria José, a AMAS tem outras parcerias.  "A Sociedade Bíblica do Brasil - SBB, nos envia bíblias, materiais para desenho, e nós prestamos conta de tudo com fotos e relatórios". A prefeitura de São Paulo, também apoia o projeto social dando suporte financeiro para a manutenção do projeto.

As crianças recebem três refeições diárias,  capoeira, handebol, recreação, artesanato, música e dança.  "Cada ano trabalhamos com um Projeto Pedagógico. Para esse ano o tema será o meio ambiente,  onde será englobado todo tipo de disciplina como parte do reforço escolar", conclui Maria José.

A AMAS conta também com apoio de voluntários, como é o caso da professora Gabriela Camuçato,  que dá aula de dança uma vez por semana. Formada em Educação Física, ela conta que o desejo de participar do projeto é muito grande. "O desejo de trabalhar com dança na área social surgiu quando estava estagiando na AMAS, Jabaquara. Sempre participei de oficinas de danças relacionados a projeto social, sentia muita falta quando deixei o estágio", diz.

Já a Missionária coreana Súh, vem uma vez por ano. Ela permanece três meses dando aula de inglês, espanhol e coreano. Quer ser um voluntário ou parceiro também? Entre em contato com o projeto por meio do e-mail amasjaba@ig.com.br ou pelo telefone (11) 5016-2737.

Assista ao vídeo produzido e exibido pela TV Gazeta.

 

 


Posts relacionados

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães