Publicado por Sara de Paula em Geral, Destaques Nacionais, Colégio Episcopal, Política - 30/06/2017

Nota de Esclarecimento: Fundação de Partido Político

 

Nota de Esclarecimento: Fundação de Partido Político

O Colégio Episcopal da Igreja Metodista vem a público informar que os pastores e pastoras desta instituição não estão ligados e ligadas à fundação do Partido da Família Brasileira (PFB), como informado em notícia veiculada na Coluna do jornalista Leandro Mazzini em vários jornais do Brasil onde lê-se que o partido está “ligado aos líderes e pastores da Igreja Metodista”.

 

Os Bispos e Bispas da Igreja Metodista, assim como o Concílio Geral, órgão de decisão máxima desta Igreja que têm suas marcas nas áreas sociais, missionárias e educacionais há pelo menos 150 anos em terras brasileiras, lamenta que notícias desse teor circulem nas mídias de um modo geral e pejorativo buscando apenas aumentar a audiência, sem uma apuração prévia junto ao Colégio Episcopal que responde diretamente sobre qualquer assunto desta natureza.

 

Reafirmamos nosso compromisso de cidadania, “lutando o bom combate” e “não nos conformemos com este século” como já disse o Apóstolo Paulo nas Cartas aos Romanos (12.1ss) e I Timóteo (1.18). Estamos atentos e atentas ao clamor e desafios urbanos. Depositamos em nossas autoridades políticas nossa confiança e oramos por elas como bem recomendam as Sagradas Escrituras. Dessa forma, não vemos a necessidade e não optamos em fundar partido político, assim como, nossa liderança pastoral não tem essa recomendação por parte deste colegiado, como também não temos o conhecimento de que nossa liderança pastoral esteja envolvida no fato mencionado acima.

 

São Paulo, 30 de junho de 2017
Colégio Episcopal da Igreja Metodista
(2017 - 2021)


Posts relacionados

Destaques Nacionais, Colégio Episcopal, por José Geraldo Magalhães

Membro do Comitê Permanente de Consenso e Colaboração do CMI envia relatório ao Colégio Episcopal

Eleita em 2006 para integrar o Comitê Permanente de Consenso e Colaboração do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), Magali do Nacimento Cunha, envia relatório das atividades desenvolvidas ao Colégio Episcopal da Igreja Metodista. Em reunião do Comitê Central reunido em julho de 2014, Magali foi eleita membro da Comissão Fé e Ordem do CMI. 

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães