Publicado por José Geraldo Magalhães em Geral - 01/06/2013

Termina o Encontro Nacional de Escola Dominical em Piracicaba

A temática de preparar à massa para fazer o alimento foi a tônica do início ao fim no Encontro Nacional de Escola Domincal. Um marco na vida de 296 metodistas reunidos em Piracicaba/SP. Eles vieram de várias partes do país. Todas as Regiões Eclesiásticas e Missionárias estiveram representadas. Mini cursos, oficinas, paineis foram algumas atividades oferecidas pelo departamento nacional. O evento terminou hoje (1º de junho) e começou na quinta-feira, dia 30.

A alegria estava no rosto das pessoas que levam na bagagem mais conhecimento para ser aplicado na igreja local. Histórias como a de Flávia Rangel que veio sozinha de Juiz de Fora/MG em busca de capacitação para ser aplicado na Igreja onde ela é membro - a Batista Missão Sul, mostram a importância do encontro. "Fiquei sabendo desse encontro na semana passada pelo site de vocês e me interessei logo. Quero implantar a Escola Bíblica Dominical na minha Igreja. Estou encantada com os cursos e oficinas", disse.

O interesse da mineira que cursa serviço social em Juiz de Fora aumentou quando ela viu a programação. "O que me chamou atenção foi quando vi que o tema da violência infantil e pedofilia seriam discutidos no encontro. Esse é um tema que precisa ser falado nas igrejas e em todos os sentidos da sociedade. A Igreja não pode viver numa bolha", concluiu Flávia.

O bispo Luiz Vergílio acredita que a Escola Dominical tem retomado seus melhores propósitos. "É visível uma crescente revitalização com um renovo de lideranças antigas com as novas. Esse é um novo momento e significativo para a Igreja. O encontro superou as expectativas. Há um novo despertar nesse espaço essencial na vida da Igreja", afirmou.

Mini cursos e oficinas - a Escola Dominical como um espaço educativo e missionário é tão importante que um dos mini cursos  - Gestão da Escola Dominical foi oferecido durante o encontro. "O mini curso despertou a participação porque todos os/as coordenadores/as se sentem muito sozinhos/as. A Escola Dominical é uma instituição educacional e missionária. Portanto, a capacitação é importante no Corpo de Cristo", afirmou o professor Almir Maia que é Superintendente da Escola Dominical.

Casos como o do Pablo Matsuoto que veio de longe mostram o interesse pela Escola Dominical.  "Eu queria me inteirar mais sobre a Escola Dominical da Igreja Metodista. Saí de Aracuju/SE e aluguei um carro em Cumbica, mas está valendo muito o esforço", disse. Matsuoto foi um dos participantes do mini curso de Gestão da Escola Dominical.

As expectativas de Matsuoto foram superadas. "Ter um contato com os redatores das revistas foi muito bom! Pude ver vidas compromissadas com Deus atrás das palavras. Volto para Aracaju na expectativa e esperança que Deus irá fazer a obra naquele lugar por meio de minha vida", concluiu.

Kelly Bueno de Aquino foi uma das pessoas que deram a oficina sobre a violência contra a criança e adolescente e pedofilia. "As pessoas partilharam que é uma demanda para ver, ouvir e falar. Elas tinham um pouco de conhecimento sobre o assunto", disse Kelly.

Para ela foi uma surpresa quanto ao número de inscritos. Quando as inscrições foram abertas houve uma procura grande e os organizadores tiveram que dividir a turma em dois grupos. "No final da oficina uma pessoa me enviou uma carta testemunhando que ela já sofreu violência quando criança e agradeceu porque no encontro ela desmistificou que Deus permitiu isso e que Ele também tinha sofrido junto com ela. Isso já valeu o encontro", se alegrou Kelly.

Gislaine Tadeu da Silva Moraes da Igreja Metodista na cidade de Ouro Preto do Oeste, no estado de Rondônia, é uma das pessoas que se maravilharam em ter participado do encontro. "Tenho pouco tempo de convertida e Deus me presenteou com o ministério infantil. Aqui eu pude conhecer um pouco mais da história da Igreja Metodista. Estou levando ideias para passar às professoras de Escola Dominical. Fui impulsionada, enriquecida, na verdade abriu um leque na minha visão de coisas que eu posso acrescentar na Igreja local", declarou Gislaine que decidiu vir em última hora a convite de mais outra irmã da Rema. Gislaine fez mini cursos e oficinas voltadas para a educação infantil e como trabalhar com as crianças na Escola Dominical.

Painel - durante os três dias de encontro muita comunhão e um renovo na vida das pessoas. Na manhã deste sábado (1º de junho), outro painel foi oferecido para os participantes. Desta vez sobre Discipulado e Escola Dominical. O professor Almir Maia juntamente com o pastor Eber Borges e o bispo Adonias, explicaram a dinâmica da Igreja Metodista tendo como parâmetro o Plano Nacional Missionário.  Perguntas foram feitas e dúvidas esclarecidas pelo bispo Adonias Pereira do Lago. Isso mostra a transparência que o Colégio Episcopal vem trabalhando com a Igreja para um crescimento saudável.

Na noite anterior (sexta-feira), a equipe do Departamento Nacional de Escola Dominical participou do painel Direto da Redação: as revistas da Escola Dominical. A ideia foi compartilhar com os participantes do encontro o processo de editorção das revistas. "Análise do curriculo, elaboração dos textos, envio para os redatores e, após enviado para o Colégio Episcopal para apravoção, cabe-nos a ilustração, revisão e gráfica. É um processo longo" enfatizou a pastora e coordenadora do Departamento Nacional, revda. Andreia Fernades.

Liderança - Um crescimento saudável e pautado na palavra de Deus. Esse é o desejo do Colégio Episcopal. "A igreja está buscando um crescimento de qualidade. Só que se a igreja não aprofundar em algumas áreas ela pode ficar pelo caminho", disse o bispo Adonias Pereira do Lago.

Para o bispo a Escola dominical é um dos caminhos saudáveis para alcançar esse crescimento almejado pela Igreja. "O encontro alimenta e recicla nossos membros. Cabe a liderança pastoral zelar pelo material de Escola Dominical para que ele chegue às mãos da liderança local para que esse crescimento saudável aconteça", afirmou.

Para o Secretário Executivo do Colégio Episcopal, bispo Stanley da Silva Moraes o encontro é um momento de renovação enquanto comunidade educativa. "O povo que está aqui reunido valoriza a educação na vida da Igreja. Todos os nossos estudos, dentre eles oficinas, mini cursos e paineis nos mostram o quanto a educação é parte integrante da vida cristá indissociável do todo da Igreja. A gente vê o pessoal animado com algo novo acendendo na vida da Igreja", disse animado o bispo.

O Encontro Nacional de Escola Dominical reuniu 296 metodistas de várias cidades e estados em Piracicaba/SP entre os dias 30 de maio a 1º de junho. Todo o material oferecido no encontro, como por exemplo, mini cursos e oficinas serão disponibilizadas no site nacional da Igreja em www.metodista.org.br. Enquanto isso, é só colocar a mão na massa!

Acesse também os conteúdos abaixo:

PAINEL: Direto da Redação: as revistas da Escola Dominical

CULTURA: Centro Cultural Martha Watts recebe visitantes do encontro

PAINEL: Sobre o Plano Nacional Missionário

ABERTURA: Centenas de metodistas se reúnem em Piracicaba

CHAMADA: Encontro Nacional de Escola dominical começa nessa quinta-feira

FOTOS: Acesse e faça dowload de fotos do Encontro Nacional de Escola Dominical

COBERTURA TAMBÉM NO ÓRGÃO OFICIAL DA IGREJA METODISTA EDIÇÃO DE JULHO

ACESSE O EXPOSITOR CRISTÃO DE JUNHO



 

 


Posts relacionados

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães

Geral, por José Geraldo Magalhães